Sidrolândia | Amândio Martins | 21/07/2016 12h38

Daltro está em condições totais de disputar, garante André

Compartilhe:

Fim do mistério! O homem que governou por mais vezes Sidrolândia irá ‘sim’ concorrer mais uma vez ao executivo e entra com favoritismo nas eleições deste ano. Daltro Fiuza conseguiu reunir condições legais de chegar as convenções do PMDB sem qualquer impedimento para ser o escolhido pelo partido. A expectativa para que ele saia é tanta que o advogado trabalhou de graça no caso, conforme relatou André Puccinelli.

“Ele tem como concorrer e nao enfrenta impedimento legal. Se vencer, só nao assume caso a sua candidatura cometa um erro na campanha. As chances dele vencer sao grandes, com todo respeito aos outros, por tudo que ele representa na cidade”, falou o ex-governador na reuniao do PMDB estadual, do dia 18 de julho. De acordo com ele, em nenhum momento o diretório teve qualquer dúvida sobre a pré-candidatura do ex-prefeito.

“Ele possui uma história muito bonita com a cidade que mantem um carinho grande por ele. O advogado que o ajudou neste caso conhece o meu filho e ajudou por acreditar na legalidade da condição dele. Foi até de graça”, garantiu Puccinelli. 

“O Daltro tem todas as condições de elegibilidade, ou seja, não há nenhuma restrição que o impeça e concorrer ao cargo de prefeito nas eleições deste ano. Os requisitos para a pré-candidatura existem e resta agora isso ser validado nas convenções e o voto popular decidir se ele deve governar mais uma vez o município”, explica o presidenreregional do PMDB, deputado estadual Junior Mochi, que gravou inclusivee um video para o MS EM DIA endossando Daltro. 

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS